Quem nunca ouviu falar da Mafalda, essa menininha idealista e genial, de vestido e laçarote vermelho na cabeça criada por Quino e que faz a gente pensar a cada nova tirinha? Espero, sinceramente, que ninguém! A mocinha de cabelos mucho loucos e, apesar de não ser miss, preocupada com a paz mundial, foi concebida pelo cartunista argentino Quino em – pasmem – 1964. É, os problemas que atormentam a vidinha de Mafalda, no auge dos seus seis anos de idade, não são de hoje.

quino mafalda6

Conheça os personagens das tirinhas da Mafalda

Além da menininha, que tem sua alma infantil afligida pelo sistema social, outros personagens fazem parte desta história:

Mafalda personagens

Mafalda: A personagem principal, uma menina de seis anos de idade, que odeia sopa, adora os Beatles e o Pica-Pau. Ela se comporta como uma típica menina na sua idade, mas tem uma visão aguda da vida e vive questionando o mundo à sua volta, principalmente o contexto dos anos 60 em que se encontra. Tem uma visão mais humanista e aguçada do mundo em comparação aos outros personagens.

Papá: O pai, que trabalha numa companhia de seguros, adora cultivar plantas em seu apartamento e entra em crise quando repara sua idade.

Mamã: A mãe, típica dona de casa, não completou os estudos (por isso é vista como medíocre por Mafalda). Entra em conflito com a filha quando prepara sopas ou macarrão.

Filipe: Um sonhador que odeia a escola, mas que frequentemente trava intensas batalhas com sua consciência e seu senso nato de responsabilidade. Foi inspirado pelo jornalista Jorge Timossi, amigo de Quino.

Manolito: O filho de um comerciante, mais preocupado com os negócios e o dinheiro do que com outra coisa. Não gosta dos Beatles e é um estudante que tira notas baixas (menos em matemática, por causa das contas que aprende no mercado do pai). Representa o conservadorismo capitalista na obra, apenas pensando no lucro do armazém de seu pai. Também adora a inflação, pois assim acha que está lucrando.

Susanita: Uma menina fútil. Seu único objetivo na vida é encontrar um marido rico e de boa aparência. Quando crescer quer ter uma quantidade de filhos acima da média. É uma grande fofoqueira e egoísta, sempre encontra um jeito de falar sobre o vizinho do irmão da cunhada de alguém.

Guille “Gui”: O irmão caçula de Mafalda, esperto demais para sua idade. É retratado como uma criança que começa a perceber o mundo.

Miguel “Miguelito” Pitti: Amigo de Mafalda, um pouco mais jovem do que os outros. Filho único, com uma personalidade igualmente única, mas com um coração enorme. Miguelito tem dificuldade de compreender o que Mafalda pensa, sempre entendendo os conselhos de sua amiga de maneira literal. Além disso, é um personagem egocêntrico, que parece achar que o mundo gira à sua volta.

Liberdade: Uma minúscula menina. Todos fazem o comentário óbvio sobre seu nome. Gosta das coisas simples da vida e seus pais são jovens idealistas. A mãe é tradutora, o pai trabalha em um “empreguinho”, por isso moram em um pequeno apartamento.

Burocracia: É a tartaruguinha dada por seu pai a Mafalda e Guile. Foi batizada assim por Mafalda por ser tão vagarosa.

tirinha

 

CURIOSIDADES:

Um desenho animado foi realizado por Carlos Márquez em 1982, apesar de Quino ser contrário à ideia. Mafalda é um nome inspirado na novela Dar la cara, de David Viñas. Quino, além de cartunista é um pensador e historiador gráfico que hoje tem 80 anos, sim ele vive!

Apesar de a tirinha ter tido sua produção interrompida em 1970, até hoje a menina que questionava o mundo cai como uma luva nas nossas leituras diárias e divagações sobre esse mundo louco em que crianças nos mostram verdades mais absolutas que enciclopédias.

O rádio avisa: “O Papa fez um chamado à paz.” Mafalda questiona: “E deu ocupado como sempre, não é?”