Decore com String Art

Não canso de repetir: visitas à casa da vó sempre rendem achados incríveis! Minha mãe costuma dizer que sou lixeiro desde criança, mas eu prefiro dizer que garimpo (risos). Em minha última ‘garimpagem’ encontrei um trabalho feito por ela há cerca de 40 anos atrás. Era um trabalho “com linhas”, segundo ela. Depois de chegar em casa e fazer uma busca no bom e velho Google conheci mais sobre o String Art; técnica que se baseia na criação de desenhos e formas geométricas tridimensionais com fios/linhas e pregos em uma superfície de madeira. A técnica é relativamente antiga. Foi inventada pela professora inglesa Mary Everest Boole com o intuito de ensinar matemática aos seus alunos. Posterior, foi aprimorada por artesãos que fizeram dessa lição uma arte.

DECORE COM STRING ART

Vamos começar? Em meio a tantas opções de desenhos e maneiras de aplicação do fio, optei por um ‘coração’. É fácil e um ótimo começo para evitar frustrações. A coisa não é tão simples quanto parece. Requer um pouco de atenção no princípio para que a coisa flua. Sem dúvida, todo esforço e apuro no desenvolvimento da peça resultará em um trabalho encantador e de poder decorativo sem igual. Fiquei admirado com a dimensão dos ricos trabalhos encontrados na internet e, minha mãe que não via nada do gênero há 40 anos, ficou boquiaberta.

Antes de tudo, junte o material nescessario: martelo, pregos, chapa em MDF ou outra madeira (o tamanho adequado para receber o desenho escolhido), fios de lã ou para crochê, martelo e molde.

O molde deverá ser impresso. O processo inicial quanto à fixação dos pregos será em cima dele que deverá ser apoiado na madeira. A imagem abaixo deixa clara minha explicação. Após feito o contorno com os pregos, retire o papel. Agora é só começar a ‘trançar’.

diy 1
Se você optar por uma linha de determinada cor que terá efeito contrastante com o fundo, lembre-se de escolher uma chapa colorida ou então de pinta-la antes de começar o processo. No caso deste modelo que trago, não houve maior preocupação quanto ao caminho do fio. Se a opção for uma palavra/letras, inicie da esquerda para direita e comece com um simples zig-zag. Traga a linha de um lado para o outro a fim de preenche-la. É fundamental que se dê uma laçada em cada prego para que o fio não corra e que a tensão continue igual em todo trabalho.

diy 2

diy 3
Se você não faz a linha “meninha frágil e sentimental” ou, se você for um menino lendo o post: opte pela caveira. Neste modelo, também não ouve o emprego de uma específica forma de prosseguir com o fio, apenas o bom senso em preenche-la de forma uniforme.

diy 4
Há pouco material online sobre. Para as pesquisas de moldes e formas de prosseguir com o fio, busque por “string art patter” no Google. Quando sua busca for por algo específico use o inglês. Para a caveira foi “string art plattern skull”, e assim por diante: string art pattern heart, string art patterns animals, etc…

Na galeria, modelos que valem a pena serem conferidos. Se nada der certo, não se preocupe! Diga aos amigos que é arte contemporânea e que depende do esforço de cada um ler a obra que ali esta (brincadeira).

no images were found

Referencia: http://greenweddingshoes.com/

Deixe uma resposta